Com uma grande quantidade de processos técnicos — e, por vezes, burocráticos — para administrar, uma imobiliária precisa de alto rigor no controle de suas atividades, gerenciando com eficiência diversos registros, documentos e informações de clientes e imóveis. Nesse contexto, implementar o que se chama de gestão da imobiliária digital é, sem dúvida, uma prática altamente positiva.

Esse conceito é o que garante mais dinamismo e agilidade nos processos de uma imobiliária, eliminando grande parte da burocracia e custos nos contratos firmados — sem, no entanto, abrir mão do rigor e a segurança necessários durante uma transação eficiente.

Para deixá-lo ainda mais inteirado sobre a gestão imobiliária digital, preparamos este artigo esclarecendo as principais dúvidas sobre o tema. Além disso, apresentamos um case de sucesso da DocuSign, o qual reforça os diferenciais das nossas soluções para elevar a qualidade das entregas do seu negócio. Acompanhe!

O que é uma imobiliária digital?

Uma imobiliária digital, na prática, diz respeito a um modelo de negócio mais moderno, em que o uso de processos informatizados, documentos digitais e expedientes online fazem parte do dia a dia de operações.

Assim, a proposta desse padrão é romper com metodologias ultrapassadas, pouco produtivas e que não condizem com os ideais de segurança da informação, agilidade e simplicidade exigidos pelo mercado imobiliário contemporâneo.

Quais as suas diferenças em comparação a uma imobiliária tradicional?

Em um mercado tão tradicional e pautado em expedientes manuais, por exemplo, o modelo de imobiliária digital surge para dar uma nova roupagem aos empreendimentos imobiliários a partir do uso estratégico da tecnologia.

Tome como exemplo a DocuSign, empresa pioneira em assinatura eletrônica de documentos e focada na redução do tempo de efetivação de transações de qualquer natureza. O negócio propõe uma quebra de paradigma aos executivos dessa área, mostrando que é possível executar processos de locação, administração e venda de imóveis, válidos juridicamente, a partir de um viés tecnológico e muito mais alinhado aos padrões do mercado atual.

Em um cenário de transformação digital, a DocuSign busca levar aos seus clientes o que há de mais moderno e promissor no manuseio de documentos eletrônicos, a partir de uma plataforma de assinaturas inovadora, versátil e robusta na medida certa, capaz de atender às necessidades de otimização de imobiliárias com diferentes perfis.

De que forma o sistema DocuSign facilita a gestão da imobiliária digital?

De maneira direta, as soluções da DocuSign atuam eliminando etapas do processo de locação e, principalmente, os custos envolvidos nesse tipo de transação. Para se ter uma ideia, hoje, o processo tradicional de locação costuma levar até 15 dias, desde a análise de documentos, discussão contratual, coleta de assinaturas, ida a cartórios para reconhecimento de firma e validações presenciais até a efetiva entrega das chaves do imóvel.

Essa lentidão no processo, em grande medida, está associada ao uso de expedientes manuais, como a assinatura presencial de documentos e o envio de vias de contratos via postal, o que acaba consumindo tempo e recursos importantes da imobiliária — os quais poderiam ser mais bem empregados na qualificação do atendimento ou outras tarefas estratégicas.

Por outro lado, a DocuSing, conhecedora do mercado imobiliário e de suas tendências, tem tido um retorno altamente positivo de seus clientes. Feedbacks indicam uma redução significativa no tempo de tramitação de contratos, reduzindo para até 48 horas o tempo de finalização de todo o processo — o que traz uma enorme satisfação, sobretudo para o destinatário final dos serviços de imobiliárias.

Isso tudo é possível porque todos os contratos estão dentro de uma plataforma única, na qual é possível assinar documentos eletronicamente com total validade jurídica, além de compartilhá-los de maneira digital, a partir de qualquer dispositivo — eliminando, assim, a necessidade de idas ao cartório e o envio de documentos via postal.

Como a assinatura eletrônica otimiza os processos de uma imobiliária?

Seja qual for a demanda da imobiliária — aluguel de imóveis, assinatura de vistoria e assembleias de condomínio —, a plataforma de assinaturas da DocuSign é capaz de oferecer um reforço operacional bastante produtivo com o uso da tecnologia e da assinatura eletrônica.

A exemplo, no processo de aluguel de imóveis, tradicionalmente, tanto pelo lado da empresa, quanto pelo lado do cliente, há necessidade de deslocamento até um cartório para reconhecimento de firma, tornando o processo moroso e dispendioso.

Em contrapartida, com o processo eletrônico feito via solução DocuSign, as principais etapas para a conclusão do contrato podem ser realizadas digitalmente, de qualquer lugar, a qualquer hora e a partir de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Já no processo de vistoria, a solução DocuSign e a tecnologia de assinatura eletrônica permitem a análise de imagens via mobile, gestão de documentos na nuvem e assinatura em tempo real, reduzindo significativamente o prazo para a sua finalização.

No mesmo sentido, contratos de intenção de compra podem ser assinados via plataforma de assinatura eletrônica normalmente, viabilizando a participação de pessoas em diferentes localidades.

Por fim, destacamos o diferencial da assinatura eletrônica para utilização em assembleias de condomínios, ocasião em que é possível encaminhar um e-mail com a ata da reunião, para que todos os condôminos a assinem e confiram validade ao documento. Sem o auxílio da tecnologia, esse processo seria demorado, visto que seria necessário coletar a assinatura manuscrita de cada indivíduo.

Como a DocuSign ajudou a melhorar os processos da RE/MAX?

Muito embora seja a maior rede de franquias imobiliárias em número de transações do mundo, a RE/MAX enfrentava uma série de entraves com o tempo e produtividade na conclusão de seus contratos. Uma simples assinatura de contrato de locação, por exemplo, precisava de até 15 dias para ser finalizada.

Foi nesse cenário de dificuldade operacional que a RE/MAX identificou a necessidade de agilizar o processo de assinaturas de documentos e apostou nos diferenciais da DocuSign para transformar a realidade das atividades da imobiliária. Como consequência, conseguiu reduzir o tempo de tramitação de 15 dias para até 24 horas — uma característica que impacta direta e positivamente os clientes da imobiliária.

Além de acelerar o fechamento dos negócios da RE/MAX, a DocuSing viabilizou uma economia financeira para ambos os lados, tornando a experiência do usuário ainda mais dinâmica e ágil. Na prática, as vantagens que possibilitaram essa melhoria na performance da imobiliária e dos seus corretores foi o fato de o aplicativo DocuSign permitir que o usuário assine os documentos usando qualquer dispositivo móvel, em qualquer lugar.

Dessa forma, tornou-se possível celebrar um acordo em questão de segundos durante uma visita a um imóvel, por exemplo, apenas com alguns toques na tela de um smartphone.

Seguindo pelo mesmo viés, a adoção da assinatura eletrônica também melhorou a rotina dos funcionários da imobiliária, garantindo um fluxo de trabalho mais ágil e permitindo à equipe de vendas focar sua atenção na finalização dos contratos.

Por fim, como vimos, a gestão da imobiliária digital passa pelo uso inteligente e estratégico de tecnologias modernas e que trazem uma roupagem mais ágil e eficiente para o negócio.

Nesse sentido, a DocuSign coloca à disposição das imobiliárias uma solução completa, capaz de eliminar processos manuais, movimentações desnecessárias de documentos e uso deliberado de papel, a partir da adoção da assinatura eletrônica.

Então, tem interesse em inovar na gestão da sua imobiliária? Seja o próximo case de sucesso da DocuSign. Entre em contato conosco hoje mesmo e saiba como podemos ajudá-lo!

https://go.docusign.com/trial/productshot-brasil-hphero/?Channel=DDCUS000017037994&cName=Blog&ECID=16088&LS=LATAM_Dem_Both_Blog%20-%20Free%20Trial_2018-11&elqCampaignId=16088&utm_campaign=LATAM_Dem_Both_Blog%20-%20Free%20Trial_2018-11