Seja para adquirir um bem, seja para colocar as finanças em dia, a realização de empréstimo é uma solução cada vez mais procurada pelos brasileiros, principalmente em tempos de crise. Esse cenário faz do financiamento uma prática de grande importância para que haja movimentação no mercado. Nessa ótica, uma das alternativas mais vantajosas tanto para consumidores quanto para instituições financeiras é a contratação de crédito consignado.

Foi levando esses fatores em conta que preparamos o post de hoje. Neste texto, vamos explicar o que é o crédito consignado, como obtê-lo, de que forma ele funciona e em que situações vale a pena solicitar um. Também mostraremos quais são as principais vantagens de efetuar tal formato de empréstimo e de que maneira é possível otimizar a contratação desse tipo de financiamento. Não deixe de conferir!

O que é crédito consignado e de que forma é possível obtê-lo?

O crédito consignado é uma modalidade de empréstimo concedida por instituições financeiras a trabalhadores com vínculo empregatício privado efetivo, servidores públicos — em nível municipal, estadual e federal —, além de aposentados e pensionistas beneficiários do INSS. Assim, o princípio básico para que uma pessoa possa solicitar esse formato de financiamento é a comprovação de que ela faz parte de uma dessas três categorias.

A principal diferença do crédito consignado em comparação a outros tipos de empréstimo é que ele está diretamente associado à renda daquele que o contrata. Desse modo, depois que um determinado montante de um banco ou de uma financeira é contratado, o valor relativo à parcela de pagamento é descontado do contracheque ou benefício do cliente, antes mesmo de ele ter acesso ao dinheiro depositado pelo pagador em sua conta bancária.

A forma de obtenção dessa modalidade de empréstimo varia de acordo com a categoria funcional em que o contratante se enquadra. As pessoas que têm empregos privados podem solicitar o crédito somente na instituição financeira com a qual a empresa em que trabalham possui convênio. Já os servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS podem escolher entre as muitas instituições financeiras que operam com crédito consignado.

Tanto a concessão do crédito quanto o recolhimento do valor da parcela na conta do cliente são feitos de forma automática pela instituição contratada, não havendo possibilidade de o correntista sustar o pagamento. As condições específicas exigidas para que o empréstimo seja concedido variam conforme o banco ou a financeira, as quais definem, por exemplo, os documentos necessários à transação e o número de meses em que o financiamento deverá ser quitado.

Como funciona o crédito consignado e quando vale a pena pegar um?

O montante financiado em uma operação de crédito consignado é calculado de modo proporcional, com base no valor máximo que o contratante pode pagar por mês. Esse valor é denominado de margem consignável, que diz respeito à quantia máxima da renda de um trabalhador, aposentado ou pensionista que pode ser comprometida em um financiamento. O limite de desconto mensal, ou seja, a margem consignável, não pode ultrapassar 35% do salário, pensão ou aposentadoria.

Para que o banco ou a financeira possa verificar a margem consignável de um potencial cliente precisa solicitar a ele que gere junto ao seu órgão pagador uma senha, a qual visa a iniciar o processo de contratação de modo seguro. Uma vez de posse desse código, em geral, as instituições repassam rapidamente aos interessados suas propostas de financiamento, nas quais constam a quantia disponível para o empréstimo, assim como o número e o valor das parcelas.

Caso o consumidor resolva contratar o crédito consignado, deverá formalizar o processo de contratação com a empresa escolhida. Para isso, após escolher entre as propostas disponíveis, o cliente deverá repassar à financeira os documentos exigidos e efetuar a leitura do contrato que será assinado. A senha utilizada para a checagem da margem consignável será a mesma usada nos trâmites legais da instituição junto à fonte pagadora do contratante.

Por que o crédito consignado pode ser vantajoso?

Quando comparado a outras modalidades de financiamento pessoal, como o crédito salário e o crédito automático, o crédito consignado apresenta muito mais vantagens para contratante e contratado. A seguir, vamos mostrar os três principais benefícios de optar por esse tipo de empréstimo. Veja já quais são eles!

Taxas de juros menores

Provavelmente, a maior vantagem do crédito consignado é a sua baixa taxa de juros. Qualquer outro meio de financiamento, como  as formas de empréstimo pessoal, o cartão de crédito e o cheque especial, têm encargos mais elevados. No entanto, elas variam de instituição para instituição, o que exige que o contratante, no caso de servidor público e beneficiários do INSS, pesquise junto às empresas as taxas que praticam antes de fechar o contrato.

Facilidade para contratar

O desconto das parcelas diretamente em folha confere à instituição que concede o crédito maior segurança, já que, certamente, vai receber o que está emprestando. Isso torna o processo de contratação muito menos burocrático e mais fácil de ser executado. Em muitos casos, todos os procedimentos de contratação são feitos em um único dia, com o dinheiro caindo na conta do contratante já no dia seguinte à operação.

Prazos mais longos para quitação

Outro benefício do crédito consignado é o prazo para o pagamento do empréstimo, muito maior que os outros tipos de financiamento. Enquanto os servidores públicos podem pagar o financiamento feito em até 96 meses, os aposentados e pensionistas do INSS têm o período máximo de 72 meses para efetuar a quitação. Já os trabalhadores de companhias privadas devem finalizar o pagamento da dívida no limite de 48 meses.

Como otimizar o processo de contratação do crédito consignado?

Os bancos que usam a assinatura eletrônica, uma ferramenta tão eficiente quanto juridicamente válida, otimizam de modo significativo o processo de contratação do crédito consignado, gerando vantagens para o consumidor e a instituição financeira. Com o uso dessa tecnologia, o contrato pode ser fechado a distância, a qualquer momento e com apenas alguns cliques. Tudo de forma rápida, cômoda e muito segura.

Com todo o processo de contratação feito de forma digital e com o uso da assinatura eletrônica, o dinheiro emprestado ao cliente pode entrar na conta no mesmo dia da conclusão da transação. No Banco Inter, por exemplo, que utiliza as soluções da DocuSign, o montante fica disponível para o consumidor em algumas horas.

Como mostramos ao longo do post, a contratação de crédito consignado é a opção mais interessante de empréstimo disponível atualmente no mercado, com diversos benefícios para as financeiras que os oferecem aos seus clientes. Todo esse processo pode ficar ainda mais vantajoso com a adoção de ferramentas tecnológicas eficazes, como a assinatura eletrônica, que simplifica e dá agilidade à transação.

Gostou de saber dessas informações? Então, aproveite a visita ao blog e veja como a DocuSign reduziu a burocracia na contratação de crédito consignado no Banco Inter, tornando o processo muito mais eficiente para a empresa e os clientes!

Veja o vídeo com o depoimento do Banco Inter e realize um teste grátis da plataforma de assinatura eletrônica da DocuSign.