Bem-vindo a DocuSign

Blog DocuSign

7 tendências de tecnologia no setor jurídico para 2019

Acompanhar as tendências de tecnologia no setor jurídico é essencial para alcançar vantagem competitiva nos índices de conversão positiva nos processos, assim como na captação e fidelização de novos clientes.

Independentemente do ramo de atuação, as organizações precisam apostar nas novas tecnologias e se concentrar nas questões que permeiam o real significado da interação entre homem e máquina.

A adequação a essa realidade tem sido a mola propulsora para que o Direito também acompanhe as inovações e se adapte às rápidas transformações necessárias à prestação de serviços mais eficazes.

Nessa conjectura, listamos 7 tendências de tecnologia no setor jurídico mais utilizadas pelos profissionais deste ramo. Veja quais são!

1. Inteligência artificial (IA)

A cada dia, a Inteligência Artificial está mais presente em nosso cotidiano:  smartphones, tablets, computadores, TVs, eletroeletrônicos e diversos dispositivos se valem da praticidade dessa tecnologia.

Na área jurídica, a IA tem chegado aos escritórios e setores jurídicos por meio de uma plataforma cognitiva desenvolvida pela gigante IBM: o Watson. Essa plataforma  tem agilizado o trabalho dos advogados em várias formas de prestação de serviços.

O Watson é um exemplo de tecnologia que conta com capacidade para analisar milhões de dados e documentos em fração de segundos. Além disso, ainda possibilita trabalhar no conceito da Law-tech — que significa Lei e Tecnologia, em português.

Diversas startups de Direito têm atuado por meio da Law-tech e desenvolvido inúmeras ferramentas de IA que seguem as tendências de tecnologia no setor jurídico.

Confira algumas dessas opções que facilitam o trabalho dos advogados:

  • agendamentos automatizados;
  • estudos avançados de jurisprudência;
  • soluções de dúvidas de natureza contábil e jurídica;
  • customização mais rápida de modelos digitais de documentos jurídicos;
  • desenvolvimento de programas de gestão e análises de dados e informações.

2. Chatbots

Traduzidos como “robôs de atendimento”, os Chatbots são recursos que, por meio da  Inteligência Artificial, são úteis para auxiliar em diferentes setores e serviços.

O uso dessas ferramentas de comunicação automatizada tem sido bastante empregada nos escritórios e operadores. Isso as classificam como importantes tendências de tecnologia no setor jurídico.

Com o uso dos Chatbots, é possível flexibilizar tarefas e otimizar o  tempo dos profissionais. Esses softwares são úteis para:

  • responder dúvidas e enviar e-mails;
  • agendamento de  consultas jurídicas;
  • promover a interação com o usuário dos sites e blogs;
  • direcionar o atendimento para o operador humano.

3. Armazenamento em nuvem

Se os provedores de e-mail como o Dropbox, Google drive e iCloud estão inseridos em sua rotina de trabalho, você está utilizando armazenamento em nuvem, mesmo sem perceber. Entretanto, essa tecnologia traz vantagens que vão bem além do uso de um provedor.

Para os advogados, esse recurso pode representar vantagens substanciais e se destacar entre as tendências de tecnologia no setor jurídico. Isso porque permite o armazenamento de arquivos sem ocupar espaço nos hardwares dos equipamentos.

Veja outros benefícios da computação em nuvem para a área jurídica:

  • acesso disponível em qualquer hora e lugar, desde que se tenha um dispositivo conectado à internet;
  • otimização do tempo, dinamização dos processos e aumento da produtividade;
  • mais rapidez ao acesso das informações, além de permitir o compartilhamento instantâneo de dados com colegas do trabalho.

4. Marketing jurídico

Para os escritórios de advocacia, o marketing jurídico impõe restrições rígidas, e que merecem atenção especial. Vale ressaltar que a OAB estabelece normas de ética que devem ser observadas na publicidade de quem atua nessa área.

No entanto, é possível seguir os padrões legais e, ao mesmo tempo, utilizar as tendências tecnológicas no setor jurídico em favor do crescimento de seu negócio. Na prática, você pode:

  • personalizar estratégias de marketing voltadas exclusivamente para a construção de uma imagem positiva de seus serviços;
  • investir em campanhas que possibilitem o melhor posicionamento de sua organização jurídica no mercado;
  • produzir e divulgar conteúdos relevantes em seu site ou blog. Isso ajuda a elevar a credibilidade de sua marca;
  • explorar o poder das redes sociais e interagir mais ativamente com o seus clientes.

5. ​Machine learning

Em um futuro bem próximo, o machine learning e os sistemas cognitivos terão ainda mais destaque entre as tendências de tecnologia no departamento jurídico, pois influenciarão bastante a tomada de decisão em todos os serviços disponibilizados na rede.

Isso sugere a necessidade de investir em medidas que melhorem a experiência do cliente nas plataformas online. Assim, a tomada de decisão nos diferentes setores corporativos seguirão as tendências apontadas, hoje, por ferramentas tecnológicas.

Como o volume de dados será cada vez maior, será praticamente impossível serem analisados, interpretados e corrigidos pelos humanos.

Logo, para os juristas, as tendências mais prováveis serão:

  • explorar a Inteligência Artificial por trás de ofertas e recomendações específicas para o Direito;
  • utilizar os recursos do algoritmo do Google para buscas que agilizem os serviços jurídicos;
  • analisar, com mais rapidez, as estatísticas para formular recursos processuais mais atualizados e convincentes.

6. Assinatura eletrônica

No Direito, dada à complexidade que envolve a confidencialidade dos processos jurídicos, a preocupação com segurança das informações merece cuidado especial e constante.

Ao passo que a praticidade dos recursos de computação em nuvem ultrapassa o tradicional modelo de documentos de papel, proteger informações sensíveis é essencial.

Na atualidade entre as tendências de tecnologia no setor jurídico, a assinatura eletrônica assume uma posição de destaque. Veja as razões:

  • tem validade jurídica;
  • elimina a necessidade de ter uma versão do documento em papel;
  • tem maior segurança e proteção, devido à utilização de criptografia;
  • otimiza a liberação de documentos e facilita os trâmites dos processos;
  • é possível assinar em qualquer lugar e utilizando um device móvel.

7. Acompanhar a evolução tecnológica

Em todos os campos de trabalho, a revolução tecnológica está moldando a maneira como as pessoas pensam, agem, trabalham e vivem. Certamente, os profissionais do Direito precisam se adaptar a essas mudanças.

Como o número de empresas do segmento jurídico cresce a cada dia, é necessário manter a mente aberta — e apostar nas inovações tecnológicas — para se tornar mais competitivo.

As instituições modernas devem aceitar as mudanças com naturalidade, já que as ferramentas tecnológicas são capazes de transformar a realidade e contribuir para o crescimento. E isso, em diversas vertentes.

Tendo isso em vista, conheça algumas vantagens que justificam a adaptação às tendências tecnológicas no setor jurídico:

  • auxilia na formação e na capacitação dos novos profissionais dessa área;
  • melhora a produtividade e fomenta novas estratégias de negócios;
  • contribui com o desenvolvimento dos diferentes setores do departamento jurídico;
  • influencia a percepção de soluções que facilitam a execução das tarefas de rotina.

Como vimos, os recursos tecnológicos vieram para fazer a diferença e auxiliar as diferentes áreas de trabalho. No entanto, para o bom desempenho das funções, a aplicação desses recursos precisa está em conformidade com a ética e a legislação atual.

Logo, investir em recursos que possibilitam a adaptação às tendências de tecnologia no setor jurídico representa um diferencial de competitividade. Além disso, conhecer melhor o funcionamento das ferramentas disponíveis para o Direito é imprescindível à qualidade da gestão dessas tecnologias.

​Quer ficar ainda mais atualizado? Siga-nos pelo Facebook e Twitter e acompanhe nossas novidades em tecnologia! Ou realize um teste grátis da plataforma de assinatura eletrônica da DocuSign.

1 Comentário

  1. A tecnologia está se infiltrando em todas as áreas, muito bom o artigo…

Leave a Reply

Seu endereço de email não será publicado

*